Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE ANTIGOS/AS ALUNOS/AS DO ENSINO CATÓLICO

Espaço aberto a comunicações de antigos alunos do ensino católico em Portugal.

Espaço aberto a comunicações de antigos alunos do ensino católico em Portugal.

CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE ANTIGOS/AS ALUNOS/AS DO ENSINO CATÓLICO

05
Out21

REZAR O PEQUENO


Oliveira

Partilho o texto da meditação de ontem para a oração do terço do Cardeal D. Tolentino, enviado pelo Ir. Manuel Silva.

(A. Oliveira)

Na celebração da festa de São Francisco de Assis, o Cardeal D. José Tolentino de Mendonça propôs "rezar o pequeno''.

(A. G. Pires)

Ensina-nos, Senhor, a agradecer não apenas as grandes alegrias, mas também aquelas que se diriam minúsculas; aquelas que não deixaram propriamente um rastro em nós, mas que a dado momento do nosso dia o iluminaram com a sua transparente e despretensiosa passagem; essas visitações da Tua alegria com as quais nos cruzamos, seja num olhar anónimo que nos olha com bondade, seja numa palavra que a gentileza habitou.

Ensina-nos, Senhor, a viver com um entusiasmo semelhante as possibilidades trazidas pelos grandes encontros, mas a não depreciar a bênção que nos vem de ti em todos os outros que vivemos sem especiais preparações ou expectativas. 

Ensina-nos, Senhor, a confiar-Te não apenas as grandes preocupações que nos pesam, mas também as pequenas que pensamos resolver sozinhos.

Ensina-nos, Senhor, a desejar o completo, abraçando para isso o caminho da incompletude; a avizinharmo-nos da água que nos dessedenta, reconciliados e gratos pela sede que nos permite recomeçar a arte da busca.

Ensina-nos, Senhor, a valorizar o todo sem esquecer o fragmento; a festejar aquilo que chega até nós inteiro e a saber saborear do mesmo modo, com a mesma gratidão, aquilo que chega dividido em desajeitadas porções ou disperso em humildes migalhas.

Ensina-nos, Senhor, o significado das grandes viagens, mas também a beleza dos pequenos passos; a justificada importância que atribuímos aos grandes feitos, mas também a decisiva esperança que se joga nas pequenas acções que passam desapercebidas a todos, mas não a Ti.

C. José Tolentino de Mendonça

4.10.2021

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub