Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE ANTIGOS/AS ALUNOS/AS DO ENSINO CATÓLICO

Espaço aberto a comunicações de antigos alunos do ensino católico em Portugal.

Espaço aberto a comunicações de antigos alunos do ensino católico em Portugal.

CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE ANTIGOS/AS ALUNOS/AS DO ENSINO CATÓLICO

15
Out21

29.º DOMINGO do TEMPO COMUM - Ano B


Oliveira

Proposta de Homilia para o 27.º Domingo do Tempo Comum – ANO B - 2021

Servir os irmãos, caminho de vida nova

Domingo, 17 de Outubro de 2021

     Irmãos, desejo que este encontro de comunidade nos ajude a viver com o Senhor. Qual é o sonho de muitas pessoas na busca da felicidade? É ter poder; mandar; dominar os outros. Mas a experiência diz-nos que a felicidade está longe deste caminho de glória humana.

  1. Servir, para salvar

     Primeira leitura

     Na primeira leitura, vemos Isaías como “Servo Sofredor”. Quem é este servo sofredor? Alguém que oferece a sua vida para salvar os outros. O profeta reconhece que a felicidade não está no caminho da glória, mas sim no caminho do serviço. E diz: ”Se o servo oferecer a sua vida como sacrifício de expiação, terá uma descendência duradoura”.

     É fácil ver nesta figura do “Servo sofredor” a imagem de Jesus, que deu a sua vida para salvar a humanidade. É um anúncio de Cristo na sua Paixão e ressurreição. Servir para salvar.

  1. Servir, não grandezas

     Evangelho

     No Evangelho encontramos uma situação de quem aspira às honras. Lemos em São Marcos: Jesus dirigia-se a caminho de Jerusalém com os apóstolos Tiago e João, filhos de Zebedeu. Os dois manifestaram um sonho: pediram a Jesus: “na tua gloria, deixa-nos um à tua direita e outro à tua esquerda”. Um sonho de poder, de honra, de glória, de posição social.

    Estavam muito enganados. Por isso, Jesus explicou: Eu vim: não para ser servido, mas para servir, e dar a vida. É a terceira vez que Jesus emprega esta expressão: Eu darei a minha vida pelo mundo.

     Isto não estava claro na mente dos apóstolos. Talvez a ilusão de Judas partisse deste engano: imaginar um Messias triunfante, e ele, Judas, ficar desiludido. O caminho para chegar a Deus está no serviço aos irmãos.

  1. Servir como Jesus

     Segunda leitura

     A Carta aos Hebreus mostra-nos o sacerdócio de Jesus: “Tendo nós um Sumo-Sacerdote… Jesus, Filho de Deus… vamos confiantes ao trono da graça”. Jesus disse: mostrarei a minha fidelidade a Deus Pai; direi Sim à sua vontade; ofereço a minha vida para renovar a harmonia entre o homem e Deus. E eis que a cruz se tornou o caminho para uma humanidade nova, o regresso ao projecto de Deus, a fidelidade em nome de toda a humanidade.

     Irmãos, o Papa Francisco deu-nos a Exortação Apostólica: “Cristo Vive”. Termina assim: “Queridos jovens… Correi atraídos por esse rosto tão amado.... que adoramos na Sagrada Eucaristia e que reconhecemos na carne do irmão sofredor”.

     Nós temos exemplos de quem escolheu servir: os apóstolos, com o seu martírio; S. Francisco de Assis, com a renúncia aos bens do mundo; Teresa de Calcutá, a levar os doentes às costas, para o hospital.  

     Um pequeno poema de escritor português revela o diálogo de uma criança com a mãe:

«Minha mãe, quem é aquele

Pregado naquela cruz?»
- Aquele, filho, é Jesus...

É a santa imagem dele!
«E quem é Jesus?» – É Deus!  
«E quem é Deus?» – Quem nos cria,
Quem nos manda a luz do dia
E fez a terra e os céus;

E veio ensinar à gente
Que todos somos irmãos,
E devemos dar as mãos
Uns aos outros irmãmente:
Todo amor, todo bondade!
«E morreu?» – Para mostrar

Que a gente pela Verdade
Se deve deixar matar     (João de Deus)

O serviço, até à cruz, o caminho do cristão para ser feliz criando o mundo novo.

P. António Gonçalves, SDB

Mais sobre mim

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub