Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE ANTIGOS/AS ALUNOS/AS DO ENSINO CATÓLICO

Espaço aberto a comunicações de antigos alunos do ensino católico em Portugal.

Espaço aberto a comunicações de antigos alunos do ensino católico em Portugal.

CONFEDERAÇÃO PORTUGUESA DE ANTIGOS/AS ALUNOS/AS DO ENSINO CATÓLICO

27
Jun21

13.º DOMINGO do TEMPO COMUM - Ano B


Oliveira

Proposta de Homilia para o 13.º Domingo do Tempo Comum – ANO B - 2021

O Senhor que nos dá vida

Domingo, 27 de Junho de 2021

     Irmãs e irmãos, que pedimos ao nosso médico de família? Que ele nos ajude a ter saúde, confiamos nele, seguimos os seus conselhos. Que pedimos a Jesus? A vida do corpo e do Espírito. Vemos nas leituras de hoje o projecto de vida que Deus tem para nós.

  1. O projecto de Deus, a nossa vida

Primeira leitura  

     No Livro da Sabedoria, o  autor  procura activar a fé e a esperança do povo. Foi escrito pouco antes da vinda de Jesus. O texto de hoje mostra-nos como Deus é o Senhor que nos dá a vida. Declara o autor:  “Não foi Deus que fez a morte”. Dizendo de outro modo: Deus criou-nos para a vida. E diz ainda o texto: “Deus criou o homem incorruptível”.  Deus já tinha dito pelo profeta Ezequiel:   “Eu não quero a morte do pecador, mas sim que se converta e viva” (Ez. 33,11). E Jesus, pelo evangelista João: “Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” (Jo. 10,10). Com estas revelações vemos Deus, Senhor da vida. E se o homem não tivesse pecado, a sua passagem para a vida eterna seria de uma forma sem dor.

     Esta reflexão leva-nos a pensar como a sociedade hoje deve defender a vida, também a vida dos nascituros, e de todas as idades. A humanidade deve defender a dignidade da vida humana.

  1. O projecto de Deus na acção de Jesus

Evangelho

     Vemos no Evangelho que Jesus chegou de barco e parou à beira-mar, ou à beira do lago de Genesaré, ao norte da Galileia; estava ali muita gente. Uma mulher doente de hemorragias, havia 12 anos, ansiava ser curada. Ela mesma explicou: “recorri a tantos médicos, e nada”. Então, arrisca; impelida  pela fé, avança para Jesus com receio: “Se eu tocar nas suas vestes, ficarei curada”.  

     Por vezes, as pessoas gostam de tocar na imagem de Nossa Senhora, ou de um santo, como sinal de afecto. A senhora aproxima-se, às ocultas de Jesus, toca no seu manto, sente-se curada.  Ficou a tremer;  ajoelhou-se diante de Jesus e contou a verdade. E ouviu de Jesus: “A tua fé te salvou”. A fé traz “salvação!” “Deus quer que todas as pessoas se salvem” (1 Tim 2).

     Também é emocionante a aflição de Jairo, chefe da sinagoga, pela sua filha que estava a morrer. Jairo dá um sinal eloquente de fé: ajoelha-se diante de Jesus. E com fé, pede-lhe a cura da filha: “Vem impor-lhe as mãos”. Jesus vai. Chegando à casa desse responsável religioso, deparou-se com um ambiente triste de morte. Jesus chama pela menina; ela ressuscita, levanta-se, e é entregue aos pais. O ambiente transforma-se  em júbilo, em festa. Jesus vence a morte; é Senhor da Vida.

     Deus tem paixão pela vida, que é exuberante mesmo na natureza. Ela surge até por entre as pedras.

  1. Projeto de Deus: aliviar os que sofrem

      Segunda leitura

     São Paulo, na segunda Carta aos Corítios, procura angariar fundos para socorrer a comunidade de Jerusalém. A ideia que Paulo apresenta é aliviar os irmãos que precisam. Ele reconhece a fé dos coríntios: “Sobresaís …na fé, na eloquência… e na caridade que vos ensinamos”.

     As comunidades cristãs praticavam a entreajuda. De algum modo era um gesto de vida, de ajuda para viverem. Ajudar quem sofre é uma forma de promover a vida.

  Entremos nesta perspectiva de Deus, Senhor da vida. Assim vivemos o evangelho de Jesus, e seguimos o amor de Jesus pela vida. Que o Senhor nos conduza por este caminho de evangelho, caminho de vida.

P. António Gonçalves, SDB

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub